A full child sits on a sofa playing a phone and eating snacks. Obesity in children. Copy space.

Obesidade infantil preocupa pelo surgimento de doenças “adultas”

Crianças de diversas partes do mundo todo, estão apresentando cada vez mais doenças relacionadas à obesidade. O problema é ainda maior em países menos desenvolvidos com hábitos ruins e consumo excessivo de alimentos industrializados, com excesso de carboidratos e açúcares e baixa atividade física.

Doenças que antes atingiam predominantemente adultos e idosos, hoje estão cada vez mais comuns entre crianças a partir de 6 anos de idade, como diabetes do tipo 2, esteatose hepática, colesterol alto, cálculos biliares, intolerância à glicose, resistência à insulina, problemas dermatológicos e muitos outros.

Há ainda outras consequências do sobrepeso que afetam o bem estar infantil, como por exemplo, complicações da coluna e no desenvolvimento dos ossos, na qualidade do sono, e que por sua vez, afetam o convívio social e a auto estima, podendo causar transtornos emocionais. Além disso, há o bullying por causa da discriminação social e também a dificuldade de participarem de competições resultando em baixa autoestima e auto confiança.

Outra grande preocupação é o prejuízo no aprendizado, uma vez que acometidas por doenças mais graves como diabetes e asma, podem faltar mais aulas em convalescência