Bolívia é o 1º país a pedir quebra de patentes de vacinas

A Bolívia apresentou à OMC (Organização Mundial do Comércio) um pedido de liberação de patentes que lhe permitiria importar 15 milhões de doses da vacina contra a covid-19 da Johnson & Johnson, segundo informou a entidade hoje. Na notificação que chegou ao organismo multilateral, o governo boliviano invoca uma alteração de 2017 ao Acordo sobre Aspectos dos Direitos de Propriedade Intelectual Relacionados com o Comércio, que abre o caminho legal à importação de medicamentos, vacinas e outros produtos farmacêuticos a preços acessíveis.

Leia mais: https://economia.uol.com.br/noticias/efe/2021/05/13/bolivia-se-torna-1-pais-a-pedir-quebra-de-patentes-de-vacinas-na-omc.htm